Cloreto de magnésio: O que é? Benefícios e Como Tomar

O que é Cloreto de Magnésio?

O magnésio é um mineral encontrado naturalmente em nosso corpo, ele é considerado o quarto mineral mais abundante do corpo humano uma vez que ele desempenha um papel importantíssimo tanto na saúde do corpo quanto do cérebro com a deficiência dele nosso corpo pode sofrer algumas mudanças ruins em seu sistema nervoso, muscular e até ósseo. É o cloreto de magnésio que auxilia na regulagem da pressão arterial e também, nos níveis de glicose e de quebra ele trabalha na regularização dos demais nutrientes vitais do corpo como a vitamina D, cálcio, potássio, zinco e cobre.

Tomar capsulas de suplementos de cloreto de magnésio não é necessário ao menos, que você esteja sofrendo de deficiência deste mineral no entanto, é possível incluir em sua alimentação alimentos ricos em cloreto de magnésio entre as alternativas estão os grãos integrais, nozes feijão e espinafre, que são ricas fontes de magnésio.

A quantidade diária de magnésio recomendado é 400 a 420 miligramas para homens e 310 a 320 miligramas para mulheres. O que ocorre é que certas doenças como diabetes tipo 2 e doenças gastrointestinais crônicas, podem esgotar o magnésio ao longo do tempo.

Leia também:

Alimentos ricos em iodo para melhorar a saúde da tireoide

Sintomas da deficiência de Magnésio:

  • Contrações musculares e cãibras

As cãibras por deficiência de magnésio nos piores casos, a deficiência pode até causar contrações. Os médicos acreditam que estes sintomas são causados por um fluxo maior de cálcio nas células nervosas então, é ai que o suplementos de magnésio entra ele pode auxiliar no alívio dos espasmos musculares e cãibras.

  • Ansiedade

Sente ansiedade quase que sempre saiba, que este fato pode ter ligação com a deficiência de magnésio.

A osteoporose ocorre devido o aceleramento da massa óssea, tendo como consequência a diminuição da absorção de minerais e de cálcio. A osteoporose pode ocorrer por diversos fatores incluindo a idade, falta de atividade física, deficiência de vitaminas D e K como também, a deficiência de magnésio.

  • Fadiga e Fraqueza Muscular

Fadiga, uma condição caracterizada por exaustão física ou mental ou fraqueza, é outro sintoma de deficiência de magnésio.

  • Pressão Alta

O magnésio ajuda a dilatar e a relaxar os vasos sanguíneos então, se você não está consumindo a quantidade que seu corpo precisa sua pressão pode amentar causando hipertensão.

Quantidade de magnésio recomendado por dia:

  • 0 a 6 meses – 30 mg
  • 7 a 12 meses – 75 mg
  • 1 a 3 anos – 80 mg
  • 4 a 8 anos – 130 mg
  • 9 a 13 anos – 240 mg
  • Meninos, 14 a 18 anos – 410 mg
  • Meninas, 14 a 18 mg – 360 mg
  • Homens – 400 a 420 mg
  • Mulheres – 300 a 320 mg
  • Mulheres grávidas – 350 a 260 mg
  • Lactantes – 310 a 320 mg

Cloreto de Magnésio emagrece?

A deficiência de magnésio pode sim, contribuir para a obesidade uma vez que ele causa estresse inflamatório e oxidativo e ansiedade que são fatores ligados á obesidade. O cloreto de magnésio ajuda o corpo a absorver melhor as vitaminas e minerais com isso, o organismo se manterá nutrido e saciado.

Alimentos Ricos em Cloreto de magnésio:

  • Sementes de abóbora: 46% (16 gramas)
  • Espinafre, cozido: 39% (180 gramas)
  • Acelga fervida: 38%  (175 gramas)
  • Chocolate escuro (70-85% cacau): 33% (100 gramas)
  • Feijão preto: 30% (172 gramas)
  • Quinoa, cozida: 33% (185 gramas)
  • Amêndoas: 25% (24 gramas)
  • Caju: 25% (30 gramas)
  • Abacate: 15% (200 gramas)
  • Salmão: 9% (100 gramas)

Como tomar cloreto de magnésio?

Você pode comprar suplemento de magnésio em qualquer farmácia ele pode ser encontrado em cápsulas, pó ou líquido (gotas). Para tomar de maneira certa basta, seguir as instruções da embalagem.

Contraindicação do cloreto de magnésio:

O cloreto de magnésio é bastante seguro no entanto, se você sofre de problemas nos rins e miastenia grave ele é contra indicado. Por conter propriedades laxativas se você tiver com diarreia espere passar para somente depois, fazer uso.

Efeitos colaterais do cloreto de magnésio:

São raros mas, em algumas casos pode causar enjoo, vômito, diarreia.