Lábio leporino o que é? Causas e Tratamento

publicidade:

O lábio leporino e fenda palatina são problemas congênitos que ocorrem quando o bebê nasce com uma pequena rachadura no lábio superior ou no céu da boca digamos, que ambos não se formam de maneira correta durante a gravidez. A fenda surge quando não há tecido o bastante para compor a região labial, e o tecido disponível não se une adequadamente.

O lábio leporino é um problema comum que atinge 1 a cada 1000 crianças por este motivo a procura por informações sobre este assunto vem aumentando mais e mais pois, ao ser diagnosticado muitos pais ficam em dúvida sobre quais as causas e tratamentos que existem, neste artigo iremos sanar essas e mais outras dúvidas mais frequentes sobre o assunto então, continuem ligadinhos.

publicidade:

Vejam mais: Fimose Infantil: Precisa fazer cirurgia? Causas e Tratamentos

publicidade:

Lábio leporino o que é? Causas e Tratamento

A fenda labial ocorre quando apenas, o lábio superior é afetado ao contrário da  fenda palatina, que o céu da boca também, é afetado. Eles também podem ocorrer juntos. Um lado apenas do lábio pode ser fissurado ou ambos os lados. Está divisão pode ocorrer pequena ou grande se estendendo além da base do nariz e inclui os ossos da mandíbula superior, em alguns casos até a gengiva superior.

Lábio leporino o que é? Causas e Tratamento

O que é lábio leporino?

Os lábios se formam entre a quarta e a sétima semana de gravidez. Na gravidez o bebê se desenvolve pouco a pouco durante os nove meses, e geralmente no primeiro trimestre de gravidez o tecido do corpo e as células crescem em direção ao centro do rosto, e cada detalhe presente nele como os lábios e a boca. E quando este tecido que compõe o lábio não se une por completo antes do nascimento surgi o lábio leporino que nada mais é que uma fenda labial.

O que é fenda palatina?

O céu da boca é formado entre a sexta e a nona semana de gravidez, e a fenda palatina acontece porque o tecido do céu da boca não se une por completo. Em alguns casos as partes de trás do céu da boca ficam abertas. Em outros casos apenas, a parte do palato fica aberta.

Leia Também  Melhores Chás para Aliviar dor de Cabeça

Como é feito o diagnostico:

É possível ter o diagnostico através da ultrassonografia á partir das 13ª semana de gestação.

Tratamento:

Com a cirurgia moderna, a maioria dos casos pode ser corrigida com o mínimo de cicatrizes.

Se não for corrigido, uma fissura labial ou palatina pode levar á outros problemas:

  • Problemas dentários
  • Infecções de ouvido e possível perda auditiva
  • Dificuldades de alimentação
  • Dificuldade com as mamadas
  • Problemas de fala.

Causas:

As causas das fissuras orofaciais entre a maioria das crianças são desconhecidas. No entanto algumas alterações em seus genes tornam a fenda mais provável em algumas pessoas. Se você tem medo de que as fissuras orofaciais sejam, problemas hereditários não se preocupe pois, a maioria dos pais com fissura não tem bebês com o mesmo problema. Alguns fatores aumentam as chances de que o bebê nasça com lábio leporino, veja abaixo:

  • Mulheres que fumam durante a gravidez
  • Mulheres com diabetes
  • Mulheres que fazem ou fizeram uso de certos tipos de medicamentos para epilepsia, como topiramato ou ácido valpróico.
  • Mulheres acima do peso.
Leia Também  Caspa na Sobrancelha Dermatite Seborreica: Como Tratar

A maioria das fendas se encaixam em uma das três categorias:

fissura labial por si só – mais comum em meninos
fenda palatina por si só – mais comum em meninas
fenda labial e fissura palatina juntas – mais comum em meninos

Tratamento:

Para preparar o bebê para cirurgia um médico ortodontista deve iniciar a reparação do palato e unir os lábios logo após uma semana de nascimento da criança. A cirurgia para fechar a fenda labial pode acontecer dentro de 3 a 6 meses após o nascimento do bebê, e deve ser reparada até a fenda palatina de 9 a 18 meses.

Isso deve permitir que a criança fale e coma normalmente. A grande maioria dos médicos indicam que a cirurgia seja, feita quando a criança atingir entre 10 á 12 anos de vida para que assim, os dentes de leite já tenham todos caído para que  ao nascer os dentes de adulto a criança não precise passar por uma nova cirurgia reparativa.

Lábio leporino antes e depois: Fotos

Lábio leporino antes e depois

Lábio leporino antes e depois

Lábio leporino antes e depois

Lábio leporino antes e depois

Lábio leporino antes e depois

publicidade:

Lábio leporino antes e depois